Encontro de Sensiblização sobre Revelação Espontânea para Superintedência de Ensino, CMDCA, SERPAF, CONSELHO TUTELAR E CREAS

Por SERPAF

Hoje foi dia de sensibilização da Rede de Ensino Estadual de Sete Lagoas. Num encontro virtual articulado através do CMDCA – Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, estiveram reunidas 74 pessoas entre analistas educacionais, inspetores escolares, diretorias das escolas, especialistas de educação básica, além do Superintendente de Ensino e sua assistente. O Serpaf foi o responsável pela sensibilização do tema “Revelação Espontânea” e teve como convidados o Conselho Tutelar e Creas para esclarecerem suas atribuições e fluxos de encaminhamentos. O CMDCA produziu uma cartilha de forma bem objetiva e imprimiu em formato A3 para que todas as escolas estaduais e demais atores do SGDCA – Sistema de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente, tenham as orientações visíveis e acessíveis para todos. A revelação espontânea como o nome já diz, na perspectiva do SUAS – Sistema Único de Assistência Social, acontece quando crianças e adolescentes relatam que foram vítimas ou testemunhas de algum tipo de violência. Muitas vezes, por falta de orientação os(as) profissionais se sentem inseguros para acolher as situações e algumas vezes acabam por revitimizar as crianças e adolescentes. A revitimização é o discurso ou a prática institucional que submete crianças e adolescentes a procedimentos desnecessários, repetitivos, invasivos, que levam as vítimas ou testemunhas a reviverem a situação de violência ou outras situações que geram sofrimento, estigmatização ou exposição de sua imagem. Os profissionais da Superintendência de Ensino participaram ativamente do encontro, trazendo dúvidas, considerações e feedbacks. Em função dessas considerações, pudemos também falar do papel da Arca – Atenção em Rede da Criança e do Adolescente, com relatos positivos sobre a eficiência dessa iniciativa e também dos Conselhos Tutelares. E isso foi só o nosso segundo passo! Iniciamos a sensibilização no ano passado de forma autônoma para toda a rede, mas agora, com a articulação do CMDCA essa sensibilização toma outra proporção e com ótimas perspectivas de se tornarem sistematizadas, abordando diversos temas relacionados à garantia dos direitos da criança e do adolescente. A sensibilização para a SME já está pré agendada para o dia 13/04!!!

Deixa uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *